EXEGESE - O ABISMO GRAMATICAL

25/10/2012 14:13

 

Vários fatores destacam a importância do aspecto gramatical:

1.                A Natureza da Inspiração: Se acreditamos que a inspiração foi verbal, logo entendemos que cada palavra é importante.

2.                O Objetivo da Exegese: A busca pelo que o texto quer dizer

3.                O Problema da comunicação: Um orador será mal interpretado se a mensagem não for compreendida corretamente.

Então, o que é a interpretação gramatical? É a verificação de quatro aspectos:

1.                O Significado das palavras

2.                A forma das palavras

3.                A função das palavras

4.                A relação entre as palavras

Como descobrir o significado das palavras:

1.                Examinar a etimologia: A palavra grega “makrothymia” é formada  por “makros” (longo) e “thymia” (sentimento) e foi traduzido por longanimidade ou paciência.

2.                Descobrir o emprego da palavra: É o usus loquendi, ou seja o uso por quem fala ou seja o sentido mais comum da palavra quando foi utilizada.

3.                Descobrir o significado dos sinônimos e antônimos: Quando Paulo fala de preceitos fala de regras a serem seguidas, e quando fala em doutrina fala em verdades que devemos crer, Cl 2.22.

4.                Examinar o contexto: É importante pois uma palavra pode assumir sentidos múltiplos dependendo de onde ela apareça: A galinha tem penas e tenho pena de alguém. O sentido de pena depende do contexto. Também raramente um pensamento é expresso com a utilização de uma única palavra.

Para que conhecer as partes do discurso?

A função de uma palavra influencia o seu significado. Compare a palavra “casa” nos seguintes exemplos: “A casa foi pintada” (substantivo); “Ela casa amanhã” (verbo)

Como a relação entre as palavras facilita a interpretação?

Repare: (1) O homem estraçalhou feio o carro; (2) O carro estraçalhou feio o homem; (3) O homem estraçalhou o carro feio; (4) O homem feio estraçalhou o carro; (5) O carro feio estraçalhou o homem. Quando mudamos a função da palavra no texto mudamos a interpretação do texto em si.

Resumo:

1.                Examine a etimologia da palavra, até atingir o seu significado original.

2.                Descubra como a palavra é usada pelo autor no mesmo livro, pelo mesmo autor em outros livros da Bíblia, por outros autores da Bíblia e por outros autores em outros documentos.

3.                Descubra o emprego dos antônimos e dos sinônimos.

4.                Analise os contextos: o imediato, o do parágrafo, o do capítulo, o do livro, o de passagens paralelas e o contexto da Bíblia como um todo.

5.                Verifica qual dos diversos sentidos possíveis melhor se encaixa na idéia da passagem sem necessitar que o mesmo seja forçado.

6.                Analise a frase e os seus elementos, reparando na classe das palavras ali contidas, no tipo do período e nas orações que o compõem, bem como na ordem das palavras.

7.                Descubra o significado de cada palavra chave do texto e o modo como influenciam no sentido do texto.

8.                Analise a participação de cada elemento da frase na idéia transmitida pelo todo.

—————

Voltar