A Volta de Jesus em Glória

21/09/2012 09:41

 

É a sua revelação ou manifestação pessoal em glória, majestade e poder, às nações da Terra (Mt 24.30; Ap 1.7; Zc 14.3,12; At 1.11).

Será precedida de cataclismos e morticínios sobrenaturais (Zc 14.4-5; Ap 16.17-21; 19.18-21; Is 24.20).

Haverá convulsões em toda a Terra, em toda a natureza (Lc 21.25,26)

Ë chegada a hora do colapso das nações impenitentes, hoje atrevidas e arrogantes quanto a Deus, e embriagada no seu poderio diversificado (Dn 2.44,45; Mt 21.44b)

Caso essas nações não se arrependam enquanto é tempo, breve elas se defrontarão com um guerreiro mais forte do que elas - O Senhor Jesus!

A Volta de Jesus em glória e poder, com seus santos anjos, porá termo a batalha de Armagedom, no preciso momento em que os poderosos exércitos das nações confederadas sob o Anticristo estarão destruindo os judeus (Ap 16.14; 19.19-21; Zc 12.2-9)

Jesus descerá visivelmente sobre o Monte das Oliveiras, ao oriente de Jerusalém (Zc 14.4; At 1.11).

Com a Manifestação da Glória Divina e seu livramento sobrenatural e instantâneo, os judeus, em escala nacional, aceitarão o messias, arrependidos. Trata-se aqui do remanescente que escapar da Grande Tribulação (Zc 12.10,14; 13.1, 8, 9; Mt 23.39; Is 4.3; 10.22; 59.20,21; Os 3.5; Rm 9.27; 11.25,27).

A população da Terra estará dizimada nesta ocasião em conseqüência dos tremendos juízos divinos ocorridos, como vistos em Apocalipse. Compare: Mt 24.22; Zc 14.4,5,12,15; 12.9; Is 66.6 - ARA; Ap 6.8; 9.15,18; Jr 25.33)

—————

Voltar